Pular para o conteúdo principal

PARAPSICOLOGIA

PARAPSICOLOGIA É A CIÊNCIA QUE ESTUDA OS FENÔMENOS CONSIDERADOS INCOMUNS, À MARGEM DO NORMAL; COM RIGOR CIENTIFICO.

É importante ressaltar que a verdadeira Parapsicologia não atribue fenômenos aos espíritos dos mortos; pelo contrário, refuta totalmente a comunicação dos mortos, analisando,explicando e provando o poder do nosso próprio INCONSCIENTE.

A PARAPSICOLOGIA não nega que exista fenômenos tais como telepatia ,precognição ( prever o futuro), ou Telecinesia ( movimento de objetos), e sim os estuda e explica como sendo causados não por espíritos , demônios, duendes, bruxas, Ets, orixás, ou qualquer que seja a entidade (ou paranóia) ; e sim são causados por nosso próprio INCONSCIENTE ( dos vivos e nunca dos mortos).
Os Fenômenos nunca podem ser controlados,ou estimulados, ou desenvolvidos como afirmam os médiuns; pois estimulando nosso Inconsciente a tomar o lugar do Consciente pode-se causar Despersonalização, distúbios de Personalidade, dupla ou Múltiplas Personalidades, Neuroses, Parafrenias, etc.
Os Fenômenos Parapsicológicos sempre são espontâneos, incontroláveis e involuntários.

CONCLUSÕES E DESAFIOS DA PARAPSICOLOGIA:

- Não há de forma alguma, Comunicação de qualquer espécie de Mortos com Vivos.
- Existem Fenômenos Parapsicológicos causados pelo INCONSCIENTE das pessoas.
- Os Fenômenos Parapsicológicos não são um Dom, e sim um Desequilíbrio, que precisa ser tratado, podendo causar se for "desenvolvido", distúrbios neurológicos graves.
-Os fenômenos "inexplicáveis"dos Espíritas e leigos no assunto; de casas mal assombradas, batidas, movimento de objetos, fantasmas, fogo, pedras, etc... são causados pela telergia de algum morador de modo inconsciente, talvez por um problema psicológico.
-A Telergia só atua a no máximo 50metros, DESAFIO: Retirem os moradores da casa mal assombrada; instalem filmadoras,microfones e sensores; e NADA ACONTECERÁ... ( SE FOSSE ALGUM ESPÍRITO,CONTINUARIA...)
-Não há NENHUM caso de “Supostas” Comunicações de Mortos com Vivos que não seja facilmente explicado pela Verdadeira Parapsicologia, por mais EXTRAORDINÁRIO e CONVINCENTE que possa parecer. Explicação esta, que pode ir desde fraudes e truques muito bem planejados até Fenômenos Parapsicológicos de origem sempre INCONSCIENTE.
É muito comum e “convincente” o argumento: “O médium( ou adivinho) disse coisas que só eu sabia, então só pode ser um Espírito que conhece tudo”. Existe um Fenômeno Parapsicológico que se chama HIP (Hiperestesia Indireta do Pensamento) pelo qual é possível captar pensamentos e preocupações de outra pessoa a poucos metros de distância ( Quando se capta à distância, é Telepatia, que é um outro Fenômeno Parapsicológico).
A HIP não acontece apenas em ambiente mediúnico ou esotérico, mas em qualquer ambiente,pois não se trata de comunicação de Espíritos, e sim o nosso próprio inconsciente que capta e fantasia, inventa, confabula a causa de acordo com o ambiente ( mediúnico,esotérico,extra-terrestre,duende,gnomo,bruxas,fadas,elfos,orixás,deuses,bicho-papão, a gosto do consumidor.)
Dizer coisas que só a pessoa sabe é relativamente comum; o desafio e prova seria dizer coisas que ninguém sabe, e posteriormente comprovar os fatos.Mas o povo continua se enganando...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FRACIONAMENTO DE MISTURAS

Misturas:
É todo o material constituído por duas ou mais substâncias puras. Estas são chamadas de componentes da mistura. A mistura pode ter uma ou mais fases, quando apresenta uma só fase é chamada homogênea, quando apresenta duas ou mais fases é chamada de heterogênea.
Misturas Homogêneas:
Misturas Homogêneas são aquelas que tem o mesmo aspecto em todos os seus pontos, isto é, são homogêneas, do ponto de vista visual, mesmo que observada com microscópio muitos potentes.
Misturas Heterogêneas:
Mistura de duas ou mais espécie químicas diferentes que não apresenta as mesmas propriedades em toda a sua extensão. Toda mistura heterogênea é um sistema polifásico.
Separação de Misturas:
É raro encontrarmos substâncias puras na natureza. Facilmente encontramos substâncias impuras, que são misturas de uma substância principal e outra que constituem a sua impureza, são processos de purificação das substâncias, são os processos de separação dos componentes das misturas. São chamados de análise ime…

Poluição do Ar e da Água

Poluição do ar
Fontes de poluição, efeito estufa, chuva ácida, combustíveis fósseis, conseqüências da poluição,
combustíveis não poluentes, poluição ambiental e poluição atmosférica

Indústrias: poluentes despejados no ar ( poluição industrial )
Introdução  A partir de meados do século XVIII, com a Revolução Industrial, aumentou muito a poluição do ar. A queima do carvão mineral despejava na atmosfera das cidades industriais européias, toneladas de poluentes. A partir deste momento, o ser humano teve que conviver com o ar poluído e com todas os prejuízos advindos deste "progresso". Atualmente, quase todas as grandes cidades do mundo sofrem os efeitos daninhos da poluição do ar. Cidades como São Paulo, Tóquio, Nova Iorque e Cidade do México estão na lista das mais poluídas do mundo. Geração da poluição  A poluição gerada nas cidades de hoje são resultado, principalmente, da queima de combustíveis fósseis como, por exemplo, carvão mineral e derivados do petróleo ( gasolina e diese…

Principios de Química Orgânica

Química Orgânica: é a parte da química que estuda os compostos do carbono "C".



História da Química Orgânica:
*Os antigos conheciam alguns processos da química orgânica tais como:
- A fermentação da uva e obtenção do vinho.
- A fabricação de vidros coloridos.
- Tinjimento de tecidos com extratos vegetais.
*A química como ciência teve inicio nos fins do século XVIII e inicio do século XIX. Com as leis ponderais (Lavoisier; Proust; Richiter; Dalton). Scheele, nesta época extraiu vários compostos orgânicos (contém carbono) dos organismos vivos (animais e vegetais), entre os quais: a) Obtenção do glicerol das gorduras, b) Ácido úrico dos cálculos renais , c) O ácido tartárico da uva.
*Verificou-se também que era impossível sintetizar um composto orgânico em laboratório (in vitro) isto é, fora dos organismos vivos.
*Bergman(1771) dividiu a química em duas grandes partes:
- Química Orgânica: parte da química que estudava os compostos extraídos dos seres vivos(animais e vegeta…